terça-feira, 10 de setembro de 2019

COGITAÇÕES

Enquanto não tenho tempo para mais, continuo na inventariação de sentimentos, tarefa interessante e produtiva, para que eu me possa conhecer melhor, e todos os dias descubro algo novo, devo dizer-vos.
 
Embora não tenha estado, totalmente, afastada da blogosfera, sinto necessidade de escrever e de vos mostrar aquilo que escrevo. Tenho escrito sentires e estados de alma em folhas e guardanapos de papel, e até nas mãos já escrevi, para que a ideia não "fugisse", enfim, escrevo onde calha e sempre que surja a inspiração, mínima que seja.
 
Deixo-vos o que, ontem, escrevi no comboio (uma prosazita), numa curta viagem até à Gare do Oriente. 
 
 
Sei que existe uma força inexplicável, que me faz correr para os teus braços, para ti, embora jamais, em circunstância alguma, corra atrás da tua pessoa, porque não posso e porque não devo interferir no teu destino e mudar a tua vida. Isso, é da tua inteira responsabilidade e deverás ser tu a fazê-lo, se assim o entenderes e desejares. Será que sentes e tens a mesma força que eu?
 

CÉU

36 comentários:

  1. Olá,Céu!
    Pois,é! Todos nós interferimos na vida do outro.Há tanta coisa que não compreendemos, quer nós queiramos ou não.Correr para o Céu pode ser uma terceira opção, basta sentir que não estamos ausentes. É, talvez seja, uma questão de atenção?!
    Um abraço de muita amizade,

    ResponderEliminar
  2. Muito interessante, esse sentimento! Onde tantas de nós nos revimos!!

    -
    Nostálgica Viagem...
    Beijos, e um excelente dia!

    ResponderEliminar
  3. Que bom te ver e ler! Intensas palavras escritas nesse comboio e grande questionamento fizeste... beijos, tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  4. Bom dia de paz, querida amiga Ceu!
    No Amor ha sim essa forca que nos impulsiona a darmos passos gigantescos.
    Se a outra parte nao e capaz, carreguemo-la com nossas asas. Talvez seja isso que nos falte: animo e generosidade, amiga.
    Eu acredito, piamente, que no Amor nao haja "interferencia" constrangedora que estrangule a vontade alheia... Isso seria efemero e nao duraría. Seria um viver e o outro morrer sufocado. Aconteceu com Pessoa muito amada da família embora num casamento de quase 60 anos...
    O Amor nos da uma coragem surprendente e faz feliz a ambas as partes.
    Voce consegue escrever com muita sensibilidade e e uma Pessoa muito ética nos relacionamentos.
    Bom esse inventario que esta fazendo. Eu o fiz por longos anos e a Pessoa certa reconhece nosso valor quando nos valorizamos.
    Tenha bom periodo de asentamento dos seus sentimentos, minha querida amiga.
    Seja muito feliz e abencoada!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem

    ResponderEliminar
  5. Ora aí está um paragrafo poderoso... Quando o amor quer acontecer...

    Gostava de voltar à fase de escrever até nos guardanapos... é bom sentir essa inspiração e vou continuar a aguardar pelo seu regresso em pleno, já com o inventário tratado e pronta para mais um ano de boa escrita

    Um beijo

    ResponderEliminar
  6. Como te entendo! Nós, mulheres somos coerentes, sabemos o que queremos e assumimos os nossos sentimentos. Mas, como muito bem dizes,dificilmente corremos atrás para impor ou suplicar seja o que for...
    Li as palavras que deixaste no Barlavento e não me surpreendeu a tua perspicácia! Sabes ler nas entrelinhas e chegar ao âmago da questão. Mas viver não é fácil, nunca ninguém disse que era...e as situações vão-se sucedendo até ao dia em que a taça transborda...
    Um abraço forte.

    ResponderEliminar
  7. Boa noite, Céu!
    Passei pra deixar um abraço...
    Bjs também!

    ResponderEliminar
  8. Querida Céu, bom lhe ver por aqui com este pensamento amoroso num lampejo de uma viagem, o amor não escolhe lugar e hora e se vem esta vontade este desejo, vamos escrever pelos papeis, paredes e rodapés, mas vamos marcar esta emoção amiga.
    Um abraço com carinho.
    Beijo e feliz seja a semana.

    ResponderEliminar
  9. Uma dúvida cruel que se transformou num belo pensamento.
    Gratidão Céu pela tua presença.
    Tenhas uma ótima quarta-feira.
    Abração com carinho

    ResponderEliminar
  10. Oi Céu! Antes de mais nada, que vídeo maravilhoso!!
    Ficou tão romântico esse post, sábias palavras escritas na hora certa como deveria ser, a escrita mais profunda não flui influencia pelos acessórios para escrever.
    O amor do outro é do outro, só temos o nosso, o que sentimos. Quem sabe dos pesos e medidas do outro? Muitas vezes nem mesmo sabemos dos nossos.
    Amei tudo por aqui, abração!
    Lá pelo pinceladas, sem novidades.

    ResponderEliminar
  11. Intenso pensamiento.
    Te mando un fuerte abrazo.

    ResponderEliminar
  12. Gostei bastante o texto.Obrigada pela visita :))

    Bjos
    Votos de uma óptima noite

    ResponderEliminar
  13. Relevante, a pesar de la fuerza que impulsa hacia el otro, y no hay correspondencia o decisión, bien es la prudencia que manejas. Un abrazo. Carlos

    ResponderEliminar
  14. Un hermoso y sentido pensamiento lleno de ti..... Saludos amiga.

    ResponderEliminar
  15. Olá. Até quando vai durar essa hibernação? Estou com saudade dos seus comentários. Espero que tudo esteja bem. Um abraço, paz e bem.

    ResponderEliminar
  16. Devemos ir escrevendo sempre. Palavras, sentires, pensamentos, vivências, observações, recados... trazer sempre um bloco de apontamentos para anotar na hora em que surge a oportunidade- que trazer um bloco comigo, até trago... mas nem sempre a vontade de escrever abunda.

    Bom fim-de-semana!
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  17. Millor no canviar la vida de ningú....

    Petons.

    ResponderEliminar
  18. El escribir ayuda a reflexionar, a ver las cosas que nos suceden con más claridad y analizar los pros y los contras.
    Interferir en la vida de otro, es algo que no debemos hacer aunque el corazón nos dicte lo contrario.
    Mejor es esperar.
    Cariños.
    kasioles

    ResponderEliminar
  19. Es un placer pasar por su blog Saludos de fin de Semana

    ResponderEliminar
  20. Extraño leerte, CÉU, amiga.

    Abrazos hasta vos!!

    ResponderEliminar
  21. Bom te ler de novo, Céu, ainda que em poucas palavras...até porque estas "poucas palavras" falam muito!

    Um forte e carinhoso abraço.

    ResponderEliminar
  22. Se me ha pasado comentarte el vídeo, la música es preciosa y las imágenes me encantan.
    La playa me recuerda a la de las Catedrales que está en la zona de la provincia de Lugo (Galicia) que da al mar y algo que siempre he admirado son los almendros en flor.
    En mi primer vídeo, el de mi última publicación, no es de extrañar que no oigas nada, solamente se ve como cae la lluvia, estábamos en Galizano (Santander) y de pronto el cielo se nubló y las nubes descargaron con gran fuerza toda el agua acumulada.
    Disfruta de este fin de semana.
    Cariños.
    kasioles

    ResponderEliminar
  23. Bom dia, CÉU.

    Cogito que esses instantes em que o ser se busca encontrar, se autoconhecer, são de fundamental importância para dar maior significado à arte do viver, à poesia de fazer parte dessa humanidade tão paradoxal. Quanto ao sentimento, à vivência de cada um, não podemos viver a vida do outro ou pelo outro, cada qual, é autor e protagonista no filme do seu desiderato. Resta-nos torcer para que tudo corra a contento.

    Um abração e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  24. Oi Céu!
    Que bom teres deixado o espaço dos comentários aberto assim, mesmo que postes teus pensamentos, estaremos interagindo.
    Um belo momento amiga e, deixar a responsabilidade para ele, na certa é uma boa estratégia.
    Abrçs

    ResponderEliminar
  25. Olá Céu
    Texto interessante. Desejo um ótimo final de semana. Bjs querida.

    ResponderEliminar
  26. "....por isso essa força estranha, no ar..." Importante é manter-se sempre receptiva e perceptiva a todo o sentimento captado por ti, e escrito, seja onde for.
    Abraços, "cometa" Céu.

    ResponderEliminar
  27. Querida amiga Céu.
    Vejo que você se encontra recolhida e guardando seus sentimentos para expô-los novamente com a maestria que lhe é peculiar.
    Como você diz,esse recolhimento é um aprendizado para descobrirmos dentro de nós muitas coisas que ficam guardadas.
    Escreva sempre,mesmo que seja em guardanapos de papéis,o importante é que jamais deixe de colocar o que mais gosta que é o sentimento de amor em cada linha escrita.
    Agradeço a sua visita que será sempre muito bem vinda.
    Fique com Deus.
    Bjs da amiga do outro lado do Oceano.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  28. Olá. Já te estou a imaginar a escrever em todo o lado pensamentos, sentimentos... É como se fosse um desabafo, só fazes bem e melhor ainda ao partilhares connosco. Escreves bem, sobre isso não há dúvidas.
    Quanto a esta reflexão, estás certa. Temos que ser dois para alimentar um amor. Acho é que deves correr para ele e não esperares que seja ele (eheheh).
    Beijinhos e boa semana.

    ResponderEliminar
  29. Eu também escrevo em guardanapos de papel, é assim mesmo quando se tem uma mente inquieta.
    Muito bonito o que escreveu sobre sentimento.
    Se cuide.Boa semana.Bjs.

    ResponderEliminar
  30. Gosto imenso da sua inventividade amiga Céu
    Você cria, recria, fantasia e nos arrebata para o ardor da poesia
    E quando falas de sentimentos o faz com o amor que fecunda o seu coração
    Grande beijo minha querida amiga

    ResponderEliminar
  31. Olá, CEU.

    Sem dúvida está a exercitar o festejado aforismo grego "Conhece-te a ti mesmo". E, mesmo sendo algo difícil e impossível de se alcançar, certamente nos faz de certo modo transcender, digamos assim.

    Ótima semana!

    ResponderEliminar
  32. Desabafar é sempre bom.
    Boa semana!

    O blog JOVEM JORNALISTA retornou do HIATUS DE INVERNO com posts interessantes.

    Até mais, Emerson Garcia

    Jovem Jornalista
    Fanpage
    Instagram

    ResponderEliminar
  33. Mucho sentimiento en tus letras, un abrazo.

    ResponderEliminar
  34. Vim retribuir sua visita, estava ausente também, fechamento de bimestre, ufa, a vida é uma correria para nós, professores. Não importa onde estamos, quando escrevemos, sempre haverá um oneNote, drive, guardanapo, ou afins para anotarmos nossos delírios poéticos...

    Beijinhos, flor!!!

    Proseando num dia

    ResponderEliminar

O MUNDO PASSA POR AQUI