segunda-feira, 21 de março de 2016

ASSALTO À MÃO DESARMADA


Comemora-se, hoje, 21 de março, o Dia Mundial da Poesia.


Palavra de honra, afirmo e juro que eu não sabia de nada
tinha acabado de chegar a casa, era já noite cerrada
estava a despir-me, apressada, mas sossegada
para me pôr à vontade, sem espartilhos e desafogada
preparando-me para o apetecível e aprazível banho 
quando senti alguém meter uma chave na porta de entrada.

Fiquei muda, em pânico e pensei que só podia ser ladrão
que de maneira sofisticada, profissional, na perfeição
se preparava para tudo me roubar e até me violar
e eu sozinha neste casarão. Meu Deus! Que aflição!
Encostei-me bem devagarinho à parede e baixei-me
para tentar resguardar-me do perigo e do misterioso vilão.

Enquanto ele caminhava, lento, eu nem sequer respirava
pois tinha receio que ele pressentisse o meu bafo
chegando, dessa forma, mais depressa a mim
pondo em risco o meu corpo e a minha vida, decerto
que tanto adoro, valorizo, aprecio, que desejo e prezo
e ser assaltada, daquele modo, era algo que não desejava.

Aproximou-se do meu cantinho, esconderijo do meu céu
que vasculhou, sorridente, carinhoso e paciente
até que me achou, me tomou, me abraçou e beijou.
Fiquei sem ação, perturbada, calada e assustada
pois era ele, vindo de longe, outra vez, asseguro-vos
para me raptar, como à bela Cinderela dos contos de fadas.

Eu, nua, deitada no peito dele, sentia-me bem, mas tremia
não sei se de pavor, fascínio, medo ou talvez amor
e só de estar a falar e a relembrar este caso verdadeiro
sinto a invadir-me, de alto a baixo, um doce arrepio
que me extasiou, embora com muito receio no momento
mas que não fui capaz de fazer parar ou disfarçar, a tempo.

Como o chão do meu quarto era em soalho e não atapetado
ele foi tirar do roupeiro mantas grandes e quentinhas
para me tapar e aquecer, deixando eu, assim, de tremer.
Gostei do gesto e fiquei emocionada, devo confessar
pois ele continuava a ser o mesmo amante maravilhoso
com atitudes que nos caem bem e que serão sempre de louvar.

Pouco a pouco, o meu corpo foi aquecendo e depois cedendo
permitindo que ele partilhasse comigo as mantas
que nos conheciam, tão bem nos sabiam e entonteciam
ficando ali, em comunhão e consumação, naquela fogueira
que nos ia amolecendo e derretendo, corpo e alma
numa cedência aberta, sem reservas e com mútuas entregas.

Com requinte, jeito e distinção, atributos que já lhe conhecia
afastou-se do vulcão, que o faria entrar em erupção
dirigindo-se à banheira por ele pensada, realizada e usada
mergulhando nela, sem emitir um murmúrio, som ou sussurro
para não dar a entender tudo aquilo que iria ali acontecer
pois conhecia muito bem a minha maneira de ser, sentir e reagir.

Do sítio onde me encontrava, espiava toda a sua movimentação
os cuidados exacerbados e os diferentes sais utilizados
numa frenética sensibilidade, luxúria, prazer e sensualidade
não ficando um milímetro da sua luxuosa e apetitosa anatomia
sem ter sido visitado e revisitado e muito bem lavado
na água cheirosa, que o banhava, alindava e lhe fornecia energia.

Sossegou, reclinado no espaço, e olhou-me de flor rubra na mão
atitude pensada, pois, talvez, preparação e provocação
que me começava a intrigar, a questionar e também a irritar
pois, não fazia a mais pequena ideia do que ele tinha maquinado
mas pensei que me estivesse a convidar para ir para o banho
não, não, pois não houve nem um sinal para tal. Que estranho!
Então, fingindo eu ignorar a cena, saí do quentinho e fui desanuviar.

Ao meu primeiro e único passo, saiu logo da banheira, determinado
barrou-me o caminho e pegou em mim ao colo, tresloucado
afagando-me ternamente e percorrendo-me da cabeça aos pés
sem hipótese de eu proferir, agir, dizer qualquer palavra
porque guardou a minha boca na sua, com firmeza e destreza
como ave de rapina ao agarrar, prender e manter a indefesa presa.

Estava então criado o cenário para uma entrega repleta e completa
que me aliciava, ou melhor, que nada, nadinha, eu recusava
porque a minha mente já não pensava, e já só sentia e desejava
e o meu corpo, madrigal de vontade, ansiedade, fogo posto
abriu-se e acendeu-se ao dele, em combustão viva e explosiva
bem mais intensa, brilhante, ativa e fulgurante que o luar de agosto.

E sem que eu desse por isso, aquele tratante, pôs-se atrás de mim
deslizando as mãos, treinadas e calejadas, pela minha pele
o maior órgão do corpo, produto inflamável, mas tão agradável
de forma ressabiada, elegante, provocatória e provocante 
mas cá entre nós, digo-vos, que a descarada não se fez rogada
e qual indiferença, qual consciência, qual raciocinar e qual decência!

Ele, que já nem me via, nem ouvia, portanto, em coma quase total 
avançou em contramão, perdido, naquela febril excitação
que não conhecia regras e sinais, e logicamente não obedecia
num desabrido rodopio, tateando-me de cor, um desvario
que lhe deu para fazer perícias com os meus seios, que delicias
mostrando que era um modelar conhecedor e um exemplar condutor.

Seguiu viagem, pondo à volta dos meus mamilos, hirtos e enrijecidos
doce de tâmaras, coco, chantilly, frutas tropicais e orientais 
porque sabia que gostava que me decorasse e depois provasse
num jogo de fatal sedução, afetos, cumplicidades e paixão
convidando-me a uma orgia, bacanal bilateral, prenhe de magia
fazendo-me eu vítima, desrespeitada e martirizada, que pretendia folia.

Bis! Que jogo tão bem executado no tabuleiro ressabiado e matreiro
onde nem sequer faltou a minha pérfida e fértil imaginação
pois sabia que podia ser atriz, amante, mulher, dama, meretriz
e assim alcancei-o pela boca, ai que coisa louca e pouca
pondo a minha língua a travar, para que ele não conseguir falar
atitude que não compreendeu, ficando na mó de baixo, desorientado.

Para remediar e salvar a questão, aproveitei para beijá-lo e sufocá-lo
descendo também pelo seu corpo, lambendo-o e excitando-o
até que se ouviram os primeiros gemidos, pelo cérebro fornecidos
tal como o produto espesso, sem corantes, nem conservantes
que tanto ansiava que apreciasse e que, apenas uma vez, provasse
suplicando-me que fosse naquela noite, que o fizesse e experimentasse.

Indecisa, não o querendo dececionar, e a muito custo, acedi ao pedido
mas de uma forma mais indireta e discreta, fugindo à tradicional
e assim coloquei as mãos, estrategicamente, sobre o seu baixo ventre
que já se encontrava em rebelião, bastava olhar tamanha ereção
massajei, melhor que profissional, depois agitei, por indicação dele
o seu falo e zonas circundantes, que pediam mais que pobre, exigiam
iniciando calmamente, a seguir, andamentos e depois velozmente
enquanto olhava os seus olhos fechados e a boca escancarada
sentindo-me personagem principal, de quem dependia tudo, afinal
e inspirando com o coração, assisti à avalanche paranormal, à inundação.

Passados alguns instantes, acendeu os olhos com cores raras e perfeitas
deixando transparecer dupla satisfação, barriguinha cheia, realização
e puxou-me para cima dele, como atriz chamada ao palco, em aplauso
beijou-me e sujou-me toda, o tonto, tão apaixonado e encantado
afirmando, sem demora, que o mundo até podia acabar naquela hora
porque sentira o melhor momento da sua vida com a mulher única e eleita.


CÉU

115 comentários:

  1. Oi, Céu!
    Que volta triunfante, depois de uma sentida ausência!
    Ufa! A saudade dos seus versos, foram parcialmente amenizados!
    Vou ler de novo!
    Beijos!
    Que

    ResponderEliminar
  2. Olá querida Céu, td bem? Espero que esteja plenamente recuperada e pronta para postar muito no seu blog.
    Eu continuo de férias tentando descansar o máximo possível, pelo menos preciso tentar esquecer os problemas e arejar a cabeça.

    Bom, depois volto com mais calma pra comentar o seu novo post. Te espero no meu blog tbm!

    Tenha uma linda semana!

    Beijos.

    ResponderEliminar
  3. Um assalto muito sexy.
    Tórrido, nalguns momentos.
    Beijinhos, boa semana

    ResponderEliminar
  4. Sublime e sensual descrição poética. Um dos MAIORES Poemas que hás produzido. Parabéns Amiga. É um regresso em grande para celebrar este dia.

    Beijo
    SOL

    ResponderEliminar
  5. Bom dia
    Pois!! Que dizer deste tão extensivo poema? Brutal...Uma boa forma de comemorar o dia mundial da Poesia. Parabéns... Uma forma tão bela e sensual, roçando no erotismo. Bom de mais!

    Excelente semana...Beijinho.

    Coisas de Uma Vida 172

    ResponderEliminar
  6. como atriz...
    num desejo
    de desejos...
    sentires...
    amar...
    num papel de paixão
    de vida...
    poesia...

    ResponderEliminar
  7. Mas que belo assalto num turbilhão de belas emoções e sensações.
    Um abraço e boa semana.

    ResponderEliminar
  8. Bom dia, Céu!
    Gostei do título que escolheu e não sabia que hoje é comemorado o Dia Mundial da Poesia, mas sei que seria o aniversário do Senna, que tanto gosto.
    Gostei muito da música que escolheu para embalar seu poema, adoro o som do violino.
    Abração esmagador e ótima semana.

    ResponderEliminar
  9. Olá Céu!
    No dia da poesia que belo momento de inspiração!
    Só a mim não calha um ladrão desses. Ainda corria o risco era de ser amarrada e amordaçada sem um único momento de deleite. Ai! tens de me dizer onde encontraste um ladrão desses. Pode ser que ele tenha um amigo assim tão profissional e perfeitinho para moi! ehehehe
    Beijos

    ResponderEliminar
  10. Céu, entrei rapidinho pra deixar-te um último beijo antes da viagem e me deparo com este... esta... Nem sei dizer! E quem disse que conseguia sair? Como não ler todo o conteúdo desta viagem alucinante, provocante, endoidecente, delirante, a que nos submeteste? Como sair rapidinho se todo este chamariz, esta armadilha que fizeste fica a nos prender os pés, as mãos, a mente... Menina linda, tu és louca mesmo! Desta loucura que produz um enredo de tal forma brilhante que nos faz perder a hora, o juízo, e qualquer outra coisa que esteja a nos esperar... Como o maridão que já está no carro para irmos ao aeroporto. Nem vou contar pra ele o motivo da demora... Ou conto? De todo jeito, minha linda, deu para ler tudinho e ainda ficar imaginando como consegues dizer em variadas, interessantes e inteligentes palavras, e fazer tão intrigante narração, sobre um assunto que é sempre recorrente nas tuas postagens... Como consegues? Ah, é claro, é a Céu que está no comando, esta menina de imaginação prodigiosa, detentora da chave secreta para entrar no mundo da poesia e de lá extrair o que de mais bonito, elegante, sofisticado, existe neste tema... É todo dela este mérito!
    Ceuzinha, já estou indo, meu anjo, senão levo bronca.
    Deixo pra ti um abraço tão grande que vai te acolher até a minha volta. E, é claro, também sorrisos (milhares), beijos (um montão) e um tantão do meu carinho,
    Leninha

    ResponderEliminar
  11. ca estou eu como prometido hehe

    que poema bem quente, bom para aquecer neste dia meio nublado hehe

    ResponderEliminar
  12. Caríssima Céu, boa tarde, aqui são 14:15 e voltando do retorno ao médico, corri aqui, após me alimentar um pouco, para ler qual seria a postagem deste dia tão celebrado e amado por nós, o Dia Mundial da Poesia.

    Você me levou para outros universos. Prazer com surpresas? Algo assim de não saber o que está a acontecer, o que eu gosto muito, pois minha mente ficou vazia, limpa para receber na totalidade o novo, como se fosse um presente. Os meus olhos vibrantes, sem ter que explicar mais nada, apenas sentir. Creia, deliciosa sensação.

    Eu não sei o que mais me enlouqueceira, a porta se abrindo e eu escondida ou ser pega quando eu me levantasse no momento do banho. Não sei qual instante seria mais surpreendente!

    Tudo muito bem elaborado, com nobreza, elevação, como apreciamos. E como é bom encontrar poemas assim, tão a nossa mão, tão vibrantes, que parecem uma cena real. Salute minha querida amiga! Celebremos este dia! Sejamos únicas e eleitas em muitos momentos especiais de nossa vida! Assim é, sempre!

    Então conte-me, como estás a mãozinha? Espero que estejas bem, recuperando-se e motivada.

    Eu estou melhor, a cada dia. Quanto ao retorno no médico hoje, ainda uma medicação continuarei, por mais poucos dias e acho que breve a alta. Tudo fluindo com normalidade.

    Estou feliz por estar aqui sentindo-te, uma alegria mesmo, feliz por esta liberdade que meu corpo ainda sensível estás a conceder-me.

    Então vamos celebrar e receba meu beijo e abraço. Até mais minha querida ... em tempo, gostei de ver e ouvir o vídeo.

    ResponderEliminar
  13. Sabes, Céu? Se assim fossem todos os assaltos, tenho certeza de que mulheres e homens seriam seus fãs ardentes ... e desejariam um desses, toda noite! Muito bom o post; boa semana!

    ResponderEliminar
  14. Hoy, por ser el día del poeta, hago una escapada para llegar a tu espacio y dejarte mi sincera felicitación.
    Durante meses te voy leyendo y tus sentimientos llegan lejos, no tienen fronteras y arraigan en los corazones de todos los que te leemos.
    Siento mucho lo que te ha sucedido en la mano, pediré por ti para que esa nueva operación salga bien y no tengas que volver al quirófano.
    Cuídate mucho, sigue las indicaciones del médico, no hagas esfuerzos con ella y ya verás como, poco a poco, con rehabilitación, vas a lograr otra vez la movilidad perdida.
    Hoy no dispongo de tiempo para leer tu entrada, ya sabes que me lleva un buen rato y a veces no lo entiendo muy bien, pero volveré con más calma.
    De momento estoy ocupada, pienso salir de viaje unos días, a mi vuelta ya te contaré.
    Con mis mejores deseos para que te recuperes lo antes posible, te dejo cariños en un fuerte abrazo.
    Kasioles

    ResponderEliminar
  15. A través de la poesía se pueden expresar grandes sentimientos .
    Mucha felicidad.
    Un beso.

    No sé si sale mi foto de perfil por algún fallo de Google. Soy Amalia.
    Muchas gracias

    ResponderEliminar
  16. Boa noite Querida Ceu.
    Hoje eu não vou ler a postagem, o bicho [feo] está descontrolado, estou nesse momento com um grave pico hipertensivo. O correto era encarar uma emergência, mas vou esperar trinte minutos. Lhe desejo amiga que fique logo boa, uma abençoada recuperação. Se Deus quiser eu volto em breve para ler e comentar.

    ResponderEliminar
  17. Mi muy querida amiga CEU.

    Como es el dia de la poesia he compuesto una referida a ti con mucho aprecio.

    "Una amiga portuguesa
    con su amistad me ha distinguido
    ella se llama CEU
    persona de mucho brio "

    Fuerte abrazo

    ResponderEliminar
  18. Isso não foi um assalto,e sim um homem com desejos de uma linda mulher,que diante dele também
    o desejou,demonstrando toda sua envolvente sedução de um querer absoluto,para chegarem ao ápice final
    dessa entrega de corpos.
    Adorei Céu e como sempre você nos envolve em seus textos até o final,como se estivéssemos lendo um livro e desejando saber como termina.
    Parabéns!.
    Bjs,um ótimo final de semana,e uma Feliz Páscoa.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  19. E não é que de vez em quando o crime compensa?

    Bela poesia, Céu.

    Beijos.
    www.dilemascotidianos.blogspot.com

    ResponderEliminar
  20. Prezada Céu, passando cá, no desejo de saber como está tua recuperação, e agradecer por tuas passadas por lá, me deparo com esta bela e sensual confissão de teus pensamentos, e como disse uma amiga em comentário mais acima, é deveras difícil de cá sair sem ler cada sensualíssima palavra de teu pensar cá você compartilha, neste belíssimo e escrito transbordante de sensualidade e beleza expressadas, postado cá neste dia mundial da poesia. A após tão intensa e deveras cativante leitura me vou, mas não sem deixar meu desejo para que Deus, em toda a sua bondade siga abençoando você e todos em volta, pois assim segue você brindando nosso viver, e o seu, com tão belos pensamentos recheados de intensa sensualidade e que e deveras prazeroso aos que por cá passam para regar esta amizade que nos une. E que você esteja deveras bem e que seu viver seja sempre regado de alegrias, grande abraço prezada amiga e grande escritora!

    Ah! Por cá, eu, esposa e filhos estamos bem, com a graça do criador, apesar de esta nação em que nascemos e vivemos não viver momentos, digamos favoráveis aos simples habitantes, seguimos sempre com fé que algum dia a colocaremos no caminho que proporcione deveras benefícios para todos, sem qualquer distinção. Até mais!

    ResponderEliminar
  21. Olá, Céu!
    Assalto e de mão desarmada! Antes, assim.
    Imagina por um momento que se tratava de um daesh ou alguém pro EI?!
    Certamente, deparando-se com um cenário

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. olá, Adriano...
      pois, tb acho. eu e o inventado assaltante, somos pacíficos.
      será que eu não conseguiria arranjar uma maneira de fazer parar as intenções do terrorista do estado islâmico? creio k o cenário k apresentei no poema, era capaz de ser trigo limpo, farinha Amparo, entre aspas. ah, como eu os conheço bem...

      Eliminar
    2. Olá, Céu!

      Também , me parece e, o que eu queria dizer é que um potencial daesh ficaria rendido e, trocaria o comando, por um assalto consentido.
      Abraço de muita amizade,

      Eliminar
  22. Las poesías son sentimientos que los`poetas regalan a sus lectores

    ResponderEliminar
  23. Olá amiga! Voltaste muito bem inspirada e com todo gás. Um belo poema narrativo, com dezessete estrofes com seis versos, uma com sete versos e uma com dez versos, fruto de um sonho altamente sensual que terminou de uma forma inusitada. O assaltante que foi assaltar, e terminou sendo assaltado pela assaltada. Rsrs.

    Obrigado pela visita e gentil comentário deixado no nosso Arte & Emoções.

    Beijos,

    Furtado.

    ResponderEliminar
  24. Olá, CÉU.

    Já estava com saudades desses versos calientes, quase roteiro cinematográfico que se materializa na imaginação. O cenário e personagens passeiam tórridos entre cenas que prendem e transbordam num constante querer mais.

    Um abração e uma feliz páscoa.

    ResponderEliminar
  25. Bom dia Céu.
    Que beleza, querida. Você descreve de uma forma poética, mas excitante a relação entre um casal. Consegue achar palavras e rimas perfeitas sem fugir do tema. O sexo é lindo, mas você o torna MARAVILHOSO!
    Demorou para escrever, mas voltou com muita criatividade e sensualidade. Desejo com toda sinceridade que sua recuperação seja logo, para poder brindar-nos com novas poesias!
    Agradeço a carinhosa visita.
    Beijos!!!

    ResponderEliminar
  26. Olá, Céu!
    Parabéns pela tua poética e sensual narrativa!
    Beijos.

    Fontana.

    ResponderEliminar
  27. Um desconhecido desses todas nós queríamos não é mesmo?
    Mande-o para cá correndo kkkkkkkkkkk...

    Bjusssssssssssss

    ResponderEliminar
  28. Alucino con tu capacidad poética...

    Mi aplauso.

    ResponderEliminar
  29. Que delicia, depois de um mês te-la de volta e você foi muito bondosa nos dando essa linda poesia, como sempre falta-me palavras, bjucas e lindo retorno!!!

    ResponderEliminar
  30. Vou ler com toda a atenção este poema, depois deixo umas palavras.
    Hoje venho agradecer as suas palavras, garantir que a trate de Mirtiloos estava óptima e, principalmente, desejar uma Boa Páscoa.
    Mil beijinhos

    ResponderEliminar
  31. Intensidad a flor de piel en cada verso.

    Un abrazo ;-)

    ResponderEliminar
  32. Adorei a poesia, como sempre é perfeita!
    Adorei esse conto, que picante e envolvente.. hehe
    Não sabia que dia 21 era o dia mundial da poesia, mas gostei de saber. *--*
    Saudades dos seus comentários no meu blog.
    Beijos. ♥

    Diário da Lady

    ResponderEliminar
  33. E com grande alegria vejo que a tua mão já está boa, curada a tempo de prestigiar o dia da poesia com um tão fantástico "assalto"que, de susto, todos " caem de costas " assombrados. A sorte é que não há arma, balas ou bombas; há belas palvras que sábiamente alinhadas nos proporcionam este grande momento de poesia. Espero que estejas totalmente recuperada e que tenhas uma boa Páscoa, com muita alegria e também com muitos " assaltos à mão desarmada ", pq esses assaltos fazem parte da vida e, já que são pacificos, podem acontecer mesmo na Páscoa da Ressurreição. Beijinhos, Céu e até breve
    Emilia


    ResponderEliminar
  34. Oi Céu! Passando para, mais uma vez, me deliciar com a leitura deste teu belo e sensual poema. Fiquei feliz, pois tudo indica que estás bem melhor da mão. Venceste o assaltante simplesmente com as mãos, e ainda mais, desarmada. Rsrs.

    Obrigado pela visita e gentil comentário deixado no nosso Literatura & Companhia Ilimitada.

    Beijos,

    Furtado.

    ResponderEliminar
  35. Querida Céu
    Uma relação dual nos é oferecida com sabor de grande excitação um lindo encontro permeado de romantismo, sensualidade, excitação e porque não uma pitada de loucura numa alcova margeada de paixão onde a razão foi tomada de assalto no calor da paixão
    Um deleite ler os teus versos minha querida amiga
    Desejo que o espírito de Páscoa invada seu coração e faça-o transbordar de alegria e renovação.
    Uma Feliz Páscoa para você e sua família
    Beijos

    ResponderEliminar
  36. Venho Desejar-te uma Santa Páscoa estensívo a sua Família.
    Beijos
    Coisas de Uma Vida 172

    ResponderEliminar
  37. Saboreando, de novo, para alimentar o espírito.


    Beijo
    SOL

    ResponderEliminar
  38. Olá, como está?
    Como tem passado?
    Hoje venho apenas para desejar-lhe uma Boa Páscoa!
    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  39. Seus poemas sempre grandiosos e cheios de sensualidade!!! Ótimo!

    Feliz poesia!

    ResponderEliminar
  40. Venho te desejar uma feliz e boa Pascoa. Belos e inspiradores versos... Amei estar aqui

    ResponderEliminar
  41. Mais uma história sensual e poeticamente bem contada.
    E há versos que são excelentes (gostava de poder copiar 2 ou 3 exemplos, mas não dá...)
    Boa Páscoa, querida amiga Céu.
    Beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. mto obrigada, senhor POETA...
      ah, ah, ah... está a brincar. pode copiar, levar o k quiser. esteja à-vontade e não faça cerimónias.
      obrigada, igualmente.
      beijo

      Eliminar
    2. Céu, os seus textos não se podem copiar diretamente. Só com um artifício, mas dá algum trabalho...
      O que pretendia copiar eram pequenos excertos para os citar no comentário, de modo a exemplificar alguns casos de notável qualidade literária. Apenas isso...
      Fico à espera de novo poema.
      Boa semana, beijos.

      Eliminar
    3. é capaz de ser assim, Jaime, pke eu tenho uma maneira mto própria de escrever, que não é nem erudita, nem sucinta, mas eu sou, como sabe, uma mulher de Humanidades e não sou poetisa.
      qualidade literária é discutível como tudo, mas eu tenho k ser a primeira pessoa a gostar daquilo k escrevo e só depois penso nos outros.
      provavelmente, vai ter de esperar algum tempo.
      boa semana. beijos.

      Eliminar
  42. ¡Hola CÉU!!!

    Bueno pensé que aún seguías de reposo, pero ya veo que te lo has pasado muy bien escribiendo como siempre tus fantásticas aventuras sensuales amorosas... Me entraba un no sé que... Mientra te leía. Me ha encantado tu texto poético erótico.

    Ha sido un placer pasar a leerte , lo hago desde mi móvil, espero que salga bien. Estoy fuera de mi casa y no tengo ordenador. Mañana llego si Dios quiere.
    Un abrazo y toda mi estima y gratitud.

    Feliz fin de zsemana.

    ResponderEliminar
  43. Ando ocupada com as coisas ordinárias da vida, mas ainda com os olhos sensíveis às pequenas coisas. Feliz Passagem! Passagem para uma nova vida, para o novo, para o remodelado! Esse é o significado da Páscoa para mim.

    ResponderEliminar
  44. Minha linda menina, que belo regresso!
    Celebrando o dia da poesia com o poema "Assalto à mão desarmada", que nos faz suspirar de desejo!
    De seus contos, não se tira uma vírgula sequer, de tão perfeita e ricamente rimados.
    O repouso fez-te muito bem, só que nos deu saudade de teus quentes e provocantes poemas, da amiga sempre presente em nosso dia a dia.
    Desejo-te um feliz e abençoado final de semana, boa Páscoa, renovando-se sempre para uma nova vida!
    Abraços carinhosos
    Maria Teresa

    ResponderEliminar
  45. Cara Céu, feliz páscoa e boa tarde.
    Parei quando lembrei de você e corri até aqui para te dar um beijo e saber como você está, esperando do coração que estejas bem e tudo a correr bem.
    Com saudades, deixo o meu abraço.

    ResponderEliminar
  46. Hoje venho só desejar-te uma santa e feliz Páscoa com tudo de bom!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  47. Olá, doce amiga! Que história apetitosa nos presenteias, para ser lida assim, num sábado de aleluia, proclamando aleluias à vida e ao amor cúmplice, lúdico e lúbrico compartilhado com quem elegemos para ter o que de mais sublime podemos ofertar: nosso corpo e nossa alma, explodindo de vida e paixão.
    Esses jogos de sedução rejuvenescem o amor, fazem bem à pele e ao coração...Travas e receios, somente na porta que queremos deixar trancada aos assaltantes vulgares. Mas com aquele que nos tomou de assalto o coração, por ser quem é, não há que se ter reticências nem vergonhas: melhor fazer como o pequeno que acha o seu ovo de chocolate na Páscoa e o devora, de uma vez, lambuzando-se e batendo as mãozinhas por mais, e mais...
    Gosto demais de Shania Twain...ela tem uma maneira extremamente feminina e doce de ser e cantar com sensualidade.
    Qua a Páscoa lhe chegue como um sopro benfazejo de saúde, paz e muita vida!
    Beijinhos
    Bíndi e Ghost

    ResponderEliminar
  48. Olá Céu, espero encontrar-te já totalmente recuperada da operação.
    Assim entende-se a tua demora em partilhar connosco mais um belo texto.
    E que emoção desta vez! Li o poema de um só fôlego, pois fiquei logo em pulgas para saber o resultado desse assalto, mas claro que não aconteceu nada de mal só bom :)
    E eu que nunca fui grande fã de poesia, posso-te dizer que os teus textos leio-os com prazer, de tão interessantes e bem escritos que são.
    Beijinhos, uma feliz e doce Páscoa!

    ResponderEliminar
  49. Passando hoje apenas de fugida, apenas para lhe desejar uma Feliz Páscoa, Céu... na companhia de quem mais goste... e esperando que esteja bem... na medida do possível... apesar dos transtornos destes últimos tempos... com a sua mão... e que mais uns diazitos... já ficará operacional... também em termos de mobilidade... realmente o Herman tinha razão... a língua portuguesa é muito traiçoeira... sempre se prestando a vários significados, em simultâneo...
    Como a minha Páscoa, será bem calminha e tranquila... em caselas, mesmo... amanhã virei com tempo, e disponibilidade, apreciar cada palavra deste belo assalto... que já antevejo, por aqui...
    Um beijinho grande! Feliz Páscoa! E até amanhã...
    Ana

    ResponderEliminar
  50. Olá Céu, um poema que ao lê-lo fiquei sem fôlego. Belo demais com todos os condimentos do amor. Espero que estejas melhor amiga, pois esse problema é uma camisa de onze varas(como dizia a minha avó). Uma boa Páscoa com muita saúde, paz e muito amor. Beijos com carinho

    ResponderEliminar
  51. Oi querida amiga, td bem?

    Te desejo uma Feliz Páscoa junto da sua família e amigos! Tenha uma ótima semana!

    Beijos!

    ResponderEliminar
  52. Coisa louca, CÉU! Bem narrado a sua poesia (ou seria um conto?). Lembrei-me de muitos romances que li, de cenários antigos, cidades pequenas, noites frias de chuvosas, sem luz. Foi uma viagem, acredite. A riqueza de detalhes com que você narra é impressionante, parece que você tem sempre a palavra certa no momento certo, tudo fica perfeito.

    Que homem não imagina, dia sim e sim também, um encontro assim, mesmo que o final seja apenas esse, ou que sempre seja esse... Alguns chamam isso de amor, eu chamo de prazer.

    Um cheiro, moçinha de Lisboa!


    http://pontosdefe.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  53. Hola Ceu, gracias por tu visita. Estoy un poco apartado u olvidado del blog, por que estoy haciendo reparaciones en general, que me ocupan todo el tiempo.

    Muy buena tu entrada, emocionante y de miedo y placer. Jjjjjjjjj.

    Besos y feliz semana

    ResponderEliminar
  54. Bom dia de Páscoa, querida. Sim, tenha certeza de sua recuperação...pois seja o que for que nos acontece, SEMPRE é para nosso bem, pois nosso Pai tudo planeja e destina para que nosso espírito descubra-se, cada vez mais, próximo e uno com Ele, seguindo em Sua vontade que é a vida em pleno amor e saúde de todas as Suas criaturas.
    Beijinho de mel.
    Bíndi e Ghost

    ResponderEliminar

  55. Cara amiga Céu, uma viagem provocante por um cenário que faria morrer de inveja um
    Ian Fleming:) com esse assalto inesperado e tão planeado!
    desejo-te um feliz domingo de Páscoa
    e que a tua mãozinha fique completamente curada, que não tenhas nem dores, nem outros problemas, muitos beijinhos para ti
    Angela

    ResponderEliminar
  56. Depois de um assalto destes... é caso para dizer ao larápio... "Olhe... Leve tudo!!!!! E não se esqueça de me levar a mim também!..." :-D
    Está brutal!!!! De bom... este fabuloso trabalho, Céu!...
    De leitura imparável, até à ultima letra!... E com uma construção de texto admirável... que terei de vir apreciar com mais vagar... Pois sendo um pouco mais extenso... tem de ser devidamente saboreado... E um texto assim... é mesmo um verdadeiro prazer... para todos os sentidos...
    Pois é!... Mais um dos meus favoritos, por aqui!...
    Deixando um beijinho! E votos de uma boa semana... e, dado o adiantado da hora... esperando que tudo corra bem amanhã... para que finalmente, possa iniciar a recuperação definitiva, Céu!...
    E entretanto... já não deverá andar muito longe dos dois meses, que estará com a mão imobilizada... entre a primeira operação e a recuperação minimamente, desta... não é?...
    Um transtorno imenso... que só quem passa por elas é que sabe!... Enfim!... Melhores dias virão!... Já faltou mais!...
    Que corra tudo bem, é o que eu desejo!
    Um beijo enorme!... tudo de bom!
    Ana

    ResponderEliminar
  57. Bom dia, Céu.
    Pode ter certeza que vou orar e a cirurgia será um sucesso. Não tenha receio e mantenha sua fé. A força da mente é responsável por uma grande parcela do bom andamento do procedimento.
    A música que você ouviu foi gavada por mim, porém o vídeo foi feito pela autora da letra, e ela esqueceu das legendas. Vou colocar a letra completa abaixo do vídeo que está no youtube.
    Agradeço seu amável comentário e quero que confie, primeiramente em Deus, que irá orientar os médicos em sua cirurgia....Que sua semana seja abençoada, querida amiga!
    Beijos com carinho!

    ResponderEliminar
  58. Boa semana, Céu! Desejo as tuas melhoras... e aguardo o próximo post! :) Fica bem.

    ResponderEliminar
  59. Boa tarde, estimada Céu!
    Que a tua primavera seja resplandecente!
    Beijos, querida.
    Fontana.

    ResponderEliminar
  60. Votos de rápida recuperação, Céu!

    Beijo meu

    ResponderEliminar
  61. Vim te fazer um mimo, gostaria de saber como estás, de te ver. Te daria o meu colo, para te dizer que tudo está correto como acontece. E o tempo também sabe, muitas vezes, passar rápido.

    Faremos escolhas pelo caminho da simplicidade, sem dar tanta ênfase ao tempo até lá, que pode parecer longo, mas não é.

    Amanhã falamos mais, após o retorno da minha consulta.

    Deixo muitos beijos a abraços, com amor.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois eu já havia percebido que és filha única. Eu também só tive um filho, Bruno, com 23 anos. Já sou vovò da Mariana, com dois aninhos. Uma principessa que mora no meu coração.

      Sim querida Céu, estamos ambas no tempo certo, muito bem acertadas as tuas palavras.

      Muitos beijinhos prá lá de mimados para você.

      Eliminar
  62. Olá Céu, e que assalto... uma sucessão de puro prazer...
    Como já deves estar em recuperação; que seja breve os infortúnios;
    E obrigada pela visita lá na casa.
    Abraços
    janicce.

    ResponderEliminar
  63. Bom dia, querida amiga CÉU!
    Acredito que já deves ter passado pela cirurgia e, na graça de Deus, tudo está OK.
    Desejo que tenhas uma ótima recuperação, Deus te abençoe e proteja!
    Abraços carinhosos
    Maria Teresa

    ResponderEliminar
  64. Há comemorações (e assaltos) que deveriam ser todos os dias!
    Bem-hajas querida amiga, pela tua escrita.
    Tudo de bom.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  65. PARABÉMS POR ESTE LONGUISIMO POEMA. QUE IMAXINACIÓN TAN PORTENTOSA E QUE TORRENTE DE IDEAS DISCURRE POLO RIO DA SUA MENTE. SE TODOS OS LADRÓNS FOSEN ASIM....SERÍA UN PRACER RECIBILOS.... Obrigada por entrar no me blog. Unha aperta

    ResponderEliminar
  66. Mi muy querida CEU.

    Que post más hermoso.

    Gustándome todo destacó esta parte : Mi ablandamiento de fusión, el cuerpo y el alma proporcionando unas entregas abiertas, sin reservas y mutuas.

    Qué lindo escribes.

    Un fuerte abrazo.

    ResponderEliminar
  67. Estive por aqui.
    E desejo felicidades (a felicidade possível).

    MANUEL

    ResponderEliminar
  68. Buenos días Cielo, solo vengo a desearte que te vaya muy bien en la operación que te van a hacer hoy y te recuperes pronto para que puedas escribir en tu blog y nos deleites con los que escribas.
    Besos y ánimo que todo pasará pronto.

    ResponderEliminar
  69. Sorprendente ;)
    Me adhiero a los buenos deseos de Demofila.
    Besos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. gracias por tu visita y precioso comentário.
      sejas bem vindo, Alfred. besos.

      Eliminar
  70. Paso a verte para desearte que todo vaya muy bien.

    Te dejo un abrazo grande.

    ResponderEliminar
  71. Le das la estatura que merece el género poético, en su día, con estos versos, donde recoges anafóricamente la plabra, para dspelegarla en su capacidad de imaginar para la estética y la vida. Viva la poesía! UN abrazo. Carlos

    ResponderEliminar
  72. Querida amiga, passei só para saber se correu tudo bem. Espero que sim. Beijinhos

    ResponderEliminar
  73. Bom dia Céu.
    Não posso esconder que estou preocupado com você. Sei que fez uma cirurgia e eu espero que estejas bem. Talvez tenha dificuldades para escrever e isto é normal no teu caso. Ainda quero ler muitas poesias criadas por tua imaginação, querida amiga.
    Desejo que retorne o mais breve possível.
    Beijos!

    ResponderEliminar
  74. Olá, Céu! Passando por aqui, para lhe desejar a continuação de uma boa semana, e saber se já tem mais alguma ideia de quando finalmente poderá fazer a outra intervenção, que lhe acabe com esse martírio, que lhe impossibilita poder usar braço e mão convenientemente, no seu dia-dia...
    Um beijinho grande! Junto com o desejo de tudo a correr o melhor possível!...
    Ana

    ResponderEliminar
  75. sabes Céu que tentei traduzir um dos teus poemas para francês, mas não consegui! porque são necessárias mais palavras para a mesma ideia, com o negativo mais longo, a necessidade de mencionar os pronomes pessoais, então torna os versos muito longos e pesados para escrever e transmitir a ideia
    olha, deixo beijinhos
    Angela

    ResponderEliminar
  76. Boa noite Céu.
    Você me deixou muito feliz, querida amiga. Se não fez a cirurgia ainda talvez até nem precise mais...Na verdade eu realmente orei por você e Deus sempre ouve minhas preces.
    Eu coloquei a letra da música Revelação em um comentário no vídeo que está no youtube. Para ver entre em meu blog e clique no play do vídeo, em seguida clique sobre o ícone do youtube, abaixo a direita. Vai abrir a janela do youtube com o vídeo. A letra está em um dos comentários, abaixo do vídeo.
    Novamente te informo que fiquei feliz com sua visita e desejo um fim de semana mais feliz para você.
    Beijos e carinhos!

    ResponderEliminar
  77. ¿Así que te has creído que era un ladrón? Si me pongo en tu lugar y, siendo de noche, si escucho que me están abriendo la puerta de casa... me da un ataque de pánico, no sabría donde meterme ni esconderme.
    Pero después he comprendido que era un maravilloso amor que, poco a poco, con sus artes de seductor enamorado, te iba robando, poco a poco, el corazón.
    Has escrito un bello poema de atracción y amor en el día de la Poesía. Felicitaciones.
    Cambiando de tema... No creas que me he olvidado de ti, sabía lo de tu mano y que esperabas otra operación ¿Qué tal te encuentras ahora? Me imagino que tendrás que estar en reposo durante un tiempo hasta que todo cicatrice bien y luego empezar con la rehabilitación, no dejes de seguir los consejos de tu médico, de ti depende que esa mano vuelva a tener la misma movilidad de antes.
    AH! Antes de que se me olvide, quiero comentarte que he estado de viaje por tu tierra, mis hijas me han llevado hasta Coimbra y Aveiro, son dos lugares que me han encantado.
    Te felicito por la rica gastronomía de la que puede presumir tu linda tierra.
    Cariños en el corazón con mis deseos de que tengas una rápida mejoría.
    kasioles

    ResponderEliminar
  78. Sua narrativa é simplesmente deliciosa, isso pra dizer o mínimo.
    Cadinho RoCo

    ResponderEliminar
  79. Boa noite Céu.
    Fiz o vídeo com as legendas hoje de manhã. Outras pessoas também reclamaram sobre a letra!
    Estendo seu problema, querida amiga, mas dia 5 está próximo e tudo vai dar certo.
    Vejo que tem muitos fans e deixam comentários inteligentes em vários idiomas. Continue escrevendo e brindando a todos com suas maravilhosas poesias.
    Agradeço sua visita.
    Beijos!

    ResponderEliminar
  80. Creio que descobriu uma maneira de escrever muito própria e valiosa.
    Desejo-lhe um bom fim de semana!
    Bjssss

    ResponderEliminar
  81. Oi Céu!Como vai a mão?Melhor?Espero que sim!
    Quanto ao texto,magnífico!Incendiante!
    Um abraço!

    ResponderEliminar
  82. Bom domingo, Céu! Beijinhos!... E já falta pouco, para a coisa ficar resolvida... finalmente!
    Já confirmaram a data?
    Ana

    ResponderEliminar
  83. como anda essa mao? espero que melhor :)

    ResponderEliminar
  84. Olá Céu, não deveria ser assim, uma data especial para poesia, pois ela deveria sim, ser em todos os nossos dias pelo simples fato de espalhar o interior de uma pessoas para o interior de outras pessoas.
    Para mim, poesia é amor, encontro, saudades, sentimentos edificantes de uma alma na espera de ser acolhida por uma outra

    Beijos
    Rafael

    ResponderEliminar
  85. Olá querida amiga Céu, td bem com vc? Aqui no Brasil as coisas permanecem tensas, o cenário político anda agitado e existe muita intolerância de opiniões, isso me assusta muito. As pessoas andam brigando por causa de política, acho tudo isso lamentável, mas vamos que vamos né?

    Eu só volto a trabalhar no dia 06/04, mas confesso que estou um pouco tenso com isso, pq não faço o que gosto e estava estressadíssimo antes de sair de férias. Mas tenho fé que Deus irá iluminar meus passos e me indicar a decisão mais certa a se tomar.

    Quer dizer que a sua cirurgia foi remarcada para o dia 05/04? Eu desejo uma ótima recuperação pra você, logo você estará postando muito no seu blog.

    Te desejo uma linda semana!

    Beijos.

    ResponderEliminar
  86. Se bem me lembro, amiga, a tua cirurgia deve ser hoje ou amanhã. Estou torcendo e pedindo a Deus, para que tudo corra da melhor maneira possível! Fica com Deus, boa semana.

    ResponderEliminar
  87. Passando apenas para deixar um beijinho, e o meu desejo de que tu corra bem amanhã!...
    Tudo de bom, Céu!
    Ana

    ResponderEliminar
  88. Boa tarde Céu.
    Soube que está para fazer uma cirurgia na mão, lhe desejo o maior sucesso possível. A forma que escreve é divina, logo, logo está com ambas mãos normal novamente. Um poema sensual e como sempre maravilhoso, se assim fossem todas os assaltos, muitas pessoas deixariam portas abertas rsrs. Uma linda semana amiga, sucesso completo e enorme abraço.

    ResponderEliminar
  89. Céu, faço votos para que a cirurgia corra bem e que fique boa rapidamente.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  90. Tenho andado, numa espécie, de desassossego e só hoje poisei um pouco para me deliciar com este grande e magnifico poema.
    Alguém comentou "Que loucura" e é verdade.
    Tem tudo, loucura, magia, sensualidade, poesia, aventura e um mar incontido de desejos, que em arroubos de prazer se vão diluindo no nosso pensamento.
    Boa homenagem ao dia!
    Sou levado a pensar, que só com uma mão sai esta obra o que irá acontecer quando as duas estiverem operacionais.
    Deixo um beijinho

    .
    Imaginei,

    ResponderEliminar
  91. Mi querida CEU.

    grata historia con postre involucrado.

    Como sigues, muy querida amiga?

    Un abrazote.

    ResponderEliminar
  92. Hola Ceu. En primer lugar, gracias por tus comentarios en mis blogs y mis disculpas por tardar tanto en venir a visitarte. Espero que estés recuperada de esa operación en tu mano y que todo te vaya genial.
    Tu poema de hoy es magnífico, como siempre. Describes la pasión amorosa con un realismo que llega hasta el lector de una forma total. me encantó esta historia de amor e intriga donde tu imaginación vuela libre sobre la rutina y las miserias de este mundo cotidiano.Es un gusto leerte siempre.

    Te dejo un abrazo y todo mi cariño.

    ResponderEliminar
  93. Olá amiga Céu, chego de volta ao ambiente erótico do teu blogue! olha que ás vezes não consigo tempo entre as publicações para as quais roubo tempinho aos afazeres da casa mas o convívio mesmo virtual é muito agradável :))) entretanto espero que tudo corra bem para ti, e envio votos de melhoras e energias positivas para que fiques bem :))
    beijinhos
    Angela

    ResponderEliminar
  94. Olá amiga! Passando para agradecer a tua visita e amável comentário deixado no nosso Arte & Emoções, assim como desejar muito sucesso quando da cirurgia da mão. Com certeza, vai dar tudo certo, pois DEUS é PAI, não é padrasto.

    Beijos,

    Furtado

    ResponderEliminar
  95. Boa noite Céu!
    Viemos deixar por escrito nosso pedido a Deus para que olhe por você e lhe envie uma chuva de energias abençoadas.
    Enquanto se restabelece, que muitos pássaros lhe cheguem à janela, muitas flores novas desabrochem em sua redondeza, e que possas apreciar a primavera chegando com conforto e esperança brotando como a ramagem de verde novo das árvores.
    Um carinhoso abraço!
    Bíndi e Ghost

    ResponderEliminar

  96. Só mesmo você para escrever um texto longo e que não consguimos parar de ler. Agora que voltei a energar melhor vou pedir Bis! Que jogo tão bem executado no tabuleiro ressabiado e matreiro onde nem sequer faltou a minha pérfida e fértil imaginação.
    Não entendi o título que por coincidência é o mesmo de um testo colocado em REFLEXÃO no meu Blog.
    Um abraço, paz e bem

    ResponderEliminar
  97. Parabéns a todos poetas, Bjbj Lisette.

    ResponderEliminar
  98. Oi, Céu!
    Passei para deixar aqui todo o meu carinho por ti.
    Beijos, querida.
    Fontana.
    P.S. Estás prestes a realizar uma cirurgia? Podes contar com minhas preces! Tudo dará certo!


    ResponderEliminar
  99. Querida amiga, passei para ver se havia noticias do teu tratamento ?! :)
    beijinnhos
    Angela

    ResponderEliminar
  100. Boa noite querida Céu.
    Vim lhe desejar uma rápida recuperação, espero de coraçao que a cirurgia tenha sido um sucesso, repouse como os médicos orientaram e em breve está a nós presentear com as suas lindas poesias e amizade. Um enorme abraço amiga.

    ResponderEliminar
  101. olá Céu!
    Correu tudo bem?
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  102. Passando para deixar um beijinho, e desejar um bom fim de semana!...
    Esperando que tenha tudo corrido bem! Ainda não tinha aqui vindo, para não desafiar a Céu a escrever antes de tempo... e ter tempo para se recuperar devidamente, de mais esta intervenção... que espero finalmente, tenha resolvido o problema...
    Um beijinho grande!
    Ana

    ResponderEliminar
  103. Boa noite Céu.
    Fiquei assustado com a mensagem que deixou acima deste poema. Aconteceu alguma coisa, querida??? Você está bem??? Por favor me informe alguma coisa...Você é importante para mim. Preciso saber como está, como foi sua cirurgia...De alguma forma me informe!
    Beijos com carinho.
    Jorge.

    ResponderEliminar